ALB

Luiz Máximo de Araújo é Patrono e Avô da Homenageada Clevane Pessoa de Araújo Lopes

Luiz Máximo de Araújo, jornalista e poeta paraibano, nascido em Areia, avô de Clevane Pessoa de Araújo Lopes, que a ensinou a metrificar, rimar, amar poesia desde criança.
 
Nasceu em 1887, no ano de 2017 completaria 130 anos.
 
Participou da Revolução de 30.
Era um grande orador.
 
Morreu aos 88 anos, completamente saudável, atropelado na capital paraibana, quando ia atravessar a rua para discursar na Assembléia Legislativa  em homenagem a um amigo.
 
Foi pai de 19 filhos, sendo a mãe da Homenageada Imortal Clevane Lopes Pessoa a caçula. como ela mesma afirma,  um avô adorável.
 
Um historiador escreve sobre a cidade de São Tomé, onde ele foi o segundo prefeito, e costuma dizer que ainda hoje se fala o quanto ele foi um legitmo democrata e corajoso.
 
Com a morte de um tio de Clevane Pessoa a imortal recebeu de uma poetisa de Jundiaí-SP, a biografia de se avô.
Na verdade, trata-se de um livro inédito que Clevane pretendo publicar.
 
Seu tio, em vida, já enviara o caderno de poemas de seu avô, prefaciado em Pouso Alegre, pelo Presidente da Arcádia de Pouso alegre, Dr. Jorge Beltrão.
Depois disso, ele morou uns anos naquela cidade mineira.
 
Como o livro biográfico de Luiz Máximo de Araújo, Clevane pretende escrever a parte familiar dos momentos que conhece narrada por sua avó, e, posteriormente por sua mãe.
 
O Poeta Luiz Máximo de Araújo e esposa,  completaram mais de cinquenta anos de casados e se amavam muito.
Todos os dias, ele escrevia versos para sua amada.
 
Fonte e Biografia Pela Própria Neta Imortal Homenageada Clevane Pessoa de Araújo Lopes